sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012

Sexta-feira da saudade....

Hoje acordei com saudades....

Saudades dos meus gatinhos que se foram, como tudo começou, com eles minha paixão por gatos desabrochou, por eles, me tornei uma pessoa melhor, mais feliz e deslumbrada por pequenas coisas da vida, pequenos detalhes que fazem toda a diferença....é só saudade!!!! Muita, muita....

Pra quem não conhece a história desses meus amores, Clique aqui

Tiger...




video

Pantera...




Saudades, saudades, saudades....dói....;-(

Tenham um maravilhoso fim de semana....
Bjinhaaus
Wayne

30 comentários:

  1. q lindos....saudades é um sinal de que o passado valeu a pena....bom final d semana p vcs tbm!!bjs lambjs e miaus

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade Mari, se não fosse por eles não existiria a Preta, o Smigol, a Lola e a Lica....valeu muito a pena!;-)
      Brigadaaa!
      Bjinhaaaus
      Wayne

      Excluir
  2. A saudades não dia para chegar, quando chega traz com ela uma dorzinha chata. Mas logo passa, pois sempre aprendemos com ela. Ótima sexa-feira. Bjks para vc e os bebes.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois Rosane, passa mesmo, é bom pra recordar, uma delícia!
      Bjs pra vcs tb!

      Excluir
  3. Boa Tarde!
    Aii esta é a parte mais triste de se ter gatos.
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Também tenho muita saudade dos meus gatos que se foram, principalmente da Raiça (já falei dela lá no blog)...lembro de quando ela vinha pedir carinho, tão fofa, carinhosa, linda...por que aquele idiota do vizinho tinha que matar ela? Achamos que foi ele, porque várias vezes ele trancou ela no quintal dele para o mini cachorro dela matar ela, só que ela sempre fugia, fomos reclamar várias vezes, mas nada adiantou. No dia que ela sumiu, o vizinho falou pro meu pai: "Aquela gata branca é tua?"...tenho certeza que foi ele que a matou, sumiu com ela! =(
    ODEIO esse vizinho, e um dia ela vai pagar pelo que fez com a minha Raiçinha, minha fofa branquinha que me amava tanto e eu amava ela! AINDA TENHO ELA NO CORAÇÃO, ESTÁ GUARDADINHA EM UM LUGAR MUITO ESPECIAL E NUNCA ESQUECEREI DELA!
    Tô chorando escrevendo esse comentário. =/

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nooossa Karine, que FDP!!!! Será que foi ele mesmo? Como pôde???? Muuuito, muito trsite!!! Lamento muito, muito mesmo!;-(

      Excluir
  5. Eu vendo este seu post wayne e pensando.. eu nao sei viver sem meus gatos.. quando eles se forem um dia, vou ajudar outros e cuidar com tanto amor.. a saudade vai ficar pro resto da vida, mas a certeza de que fiz o meu melhor. beijo!

    ResponderExcluir
  6. Como gateira sou nova, mas já tive tantos cachorros encantadores que me fizeram muito feliz. Tanto carinho recebido. Fica uma saudade imensa mesmo.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É Eva, os animais sempre nos deixarão com muuitas saudades e ótimas recordações, sempre!;-)

      Excluir
  7. Wayne há dias que a saudade bate mesmo, não tem jeito. Um ótimo final de semana pra você!

    Beijos, Néia

    ResponderExcluir
  8. Wayne, as perdas sempre nos fazem sentir impotência. Acredite, gatos são mais felizes quando podem andar pelos quintais, então os seus, mesmo em sua curta vida foram felizes. Os meus podem circular pelo quintal durante o dia e à tardinha todos entram e fecho as portas, mas aquela abertura pequena por onde eles podem entrar e sair fica aberta e, embora o portão do terraço tenha dois metros de altura dois ou três escalam e passeiam à noite. Desde que dei-lhes liberdade com restrições não foram mais para a frente da casa e não atravessam mais a rua. Gatos são seres muito independentes e, a não ser que estejam em apartamento, são mais felizes tendo contato com a terra, grama, ar puro...
    Lembro de todos os meus que já partiram, mas o que mais dói foi o Kity que era caseiro e misteriosamente dois dias depois da morte da minha mãe e da minha cirurgia, apareceu morto na casa de um vizinho.
    Beijos, fique bem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza Beth, vc tem toda razão, concordo com vc, mas essa história do Kity é mto, mto estranha ;-(, que horror!!!!
      Fique bem vc tb, é impressionante a maldade das pessoas com bichos inocentes, eu ainda não concordo com as coisas que vejo ;-(
      Bjaum

      Excluir
  9. Eles eram lindos e foram muito felizes ! Eu fui ler o seu post e acho que foi quando eu comecei a seguir o seu blog, tem até um comentário meu lá falando do Martim. eu concordo com a Beth, os gatos podem viver em apartamento, mas gostam mais de ter contato com a terra, grama e árvores. A Rutha viveu em apto por 1 anos mas quando nos mudamos para uma casa ela ficou tão feliz e animada ! Agora ela está velhinha e não sai mais de casa, felizmente.
    Beijos
    Laís

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade Lais, foram muito felizes mesmo!!!
      Você e a Beth tem razão, feliz é um gato que tem pelo menos um pouquinho de liberdade, nem que seja em seu quintal!;-)
      Lamento pelo Martim mais uma vez! A Rutha tem vida de rainha!rsrs
      Bjaaaum

      Excluir
  10. Eles eram muito lindos e tenho certeza de que foram felizes enquanto estiveram com vocês. O meu vira-latinha também adora passear na rua e infelizmente numa dessas andanças também foi atropelado e morreu. Mas acredito que fizemos sempre o melhor pra ele assim como você fez pro Tiger e pra Pantera.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foram mesmo Karina, isso serviu de lição para os meus gatinhos atuaias, eles só saem na rua com supervisão, ou seja, quase nunca saem, mas tem um quintal imenso pra eles curtirem...;-)
      Lamento pelo seu vira-latinha...rs, ele tb deve ter sido muito feliz!
      Bjiaaanhuua

      Excluir
  11. Oi adorei,por favor visite meu blog,que tbm é sobre gatos,o Bigodes e Garras.
    Endereço:bigodesegarras.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oláaa, muito prazer, já visitei seu blog e já estou te seguindo!;-)
      Bjinhaaus

      Excluir
  12. Realmente ,doí mesmo , eu sempre amei animais , mais sempre tive uma queda por gatos , tive um que andava solto , e logo o pegaram =[ o segundo ficava só dentro de casa e ficou doente e morreu faz 12 anos , esse foi o mais engraçado ,tive mais, mais naquela época nem se falava muito em castração ,sofri muito com a perda , hoje as minha meninas ,não saem de casa , claro que seriam mais felizes ,mais é perigoso de mais e procuro fazer com que elas brinquem muito para não se estressarem . Eles Sempre vão estar no meu coração , e sei que os seus anjinhos também . Sei que você é uma mamãe carinhosa e seus filhotes são felizes . Beijos e bom fim de semana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É Andressa, é complicado, ter bichos é uma delícia, mas a perda dói demais, infelismente!;-(
      Com toda certeza, faço o possível para serem muito felizes!
      Bjinhaaus
      Wayne

      Excluir
  13. Já tiraram as fotografias...
    Bom fim de semana com muita brincadeira
    Turrinhas da amiga
    Kika♥♥♥

    ResponderExcluir
  14. as vezes me bate um saudade tb! so animais tão maravilhosos q se foram! aiai! bjsssssssss

    ResponderExcluir
  15. É amiguinha a gente nunca os esquecemos e quem acredita firmemente que há céu e que nos voltamos a encontrar lá ...dizem que os nossos peludinhos são os primeiros a nos conhecer...eles fazem por vezes milagres ..pessoas más,azedas com os amimais se modificam para pessoas calmas e meiga...eles tem esse poder de transformar certas pessoas
    Beijinhos da amiga
    Graça

    ResponderExcluir

Olá, obrigada pela visita, seu comentário é muito bem-vindo!
Nós ficamos felizes em recebê-lo, volte sempre!!!
Bjinhaus
Wayne, Rodrigo e família Gatos Amados da minha vida!=^.^=

Pesquisar este blog